segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Lá-rááá-rá-rá...

Quando verdadeiro, o amor solta a voz do coração.

Nenhum comentário: