quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Já, já...

(foto: Yvette Moura - Autorretrato)

De uma quarta a outra, quanta coisa aconteceu! Um carnaval inteiro passou entre nós (com seus blocos e troças, bandas de frevo, caboclinhos e maracatus, trios elétricos, escolas de samba...), mas eu fingi que nem vi, sabia? Fiz de conta, confesso, que não era comigo...

É que eu saí do mapa. Ou melhor, mergulhei nele, segui as linhas traçadas no papel de distancias milimetradas, andei pelas rodovias traçadas ali, segui as suas dicas e atravessei de uma só vez – como se varasse com uma lança o território nordestino – três estados brasileiros: Alagoas, Pernambuco e Paraíba.

Nesse carnaval descansei à beça, nadei um bocado, caminhei na beira da praia molhando os pés na espuma do mar, joguei frescobol com uma carrada de gente, passeei bastante, li todos os dias uma obra fantástica sobre o Espíritismo (da França até o Brasil atual), balancei na rede com frequencia e conheci lugares bonitos e gente nova.

Aos poucos, eu irei postando aqui as experiências vividas nessas breves andanças, os encontros interessantes que tive, o aprendizado adquirido... Até que chegasse a quarta-feira de Cinzas para dizer que o meu "carnaval" havia acabado, e lembrar que já era hora de voltar ao batente, segurar-se à realidade e retomar a vidinha de sempre graças a Deus...

É por isso que agora eu vou chegando: o tempo é escasso e já estou cochilando sobre o teclado. Mas eu volto, visse? Pode aguardar!

2 comentários:

Anônimo disse...

Visse! Bem-vinda de volta à real... bjks,

S.

Maria Moura. disse...

thank you, amora!
and come often.
rsss...
MM.