terça-feira, 15 de abril de 2008

Espelho, espelho meu!

O que é que te falta para que se desfaça esta máscara feia e um sorriso ilumine o teu rosto fechado de nuvens? O que é que te falta para que te enxergues, definitivamente, e te reconheças como verdadeiro filho de Deus?

2 comentários:

Anônimo disse...

Olá Yvette, boa tarde!
É sempre motivo de grande alegria ler os seus textos e visitar seu blog. Parabéns pela serenidade. Vida, luz e paz para ti. Saúde e vida longa ao seu e, principalmente, à você. Ricardo Moresi

Maria Moura. disse...

Obrigada, Ricardo.
Em verdade, são visitas como a tua que enriquecem ainda mais a minha vida e me incentivam a cotinuar realizando este trabalho que me entusiasma tanto.
Vida longa para ti também, amigo. E boa, muito boa!
Yvt*