terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Café sem açúcar

(foto: Yvette Moura)

Antes, quando eu tomava café logo depois do almoço, você fazia parte da minha pequena lista de vícios – tão intensos quanto perdoáveis: sempre comedida em questão de prazeres... Após a refeição, enchia a xícara de porcelana branca até a borda com o pretinho fumegante e retomava o trabalho. Mas nunca sem, antes, gastar uns ricos minutinhos falando ao telefone contigo, pro coração ficar em paz... Agora, uns bons anos a mais de experiência e muitas decepções, estou ainda mais cautelosa e tenho cuidado um pouco mais de mim: estou tomando chá após a refeição do meio-dia, ao invés de café. Quanto ao papinho regular com o meu “mais melhor amigo”, tenho optado pelo o silêncio.

2 comentários:

jacqueline Marlene disse...

não entendi muito não, mas quero lhe dizer que ainda não consigo me livrar deste pequeno vício que é o cafezinho. Bjs.

Maria Moura. disse...

mas este é um vício perdoável, minha amiga. além do que, é um hábito cultural para nós, brasileiros.
só precisamos ter um certo controle sobre ele, que, sem excessos, faz bem à saúde.

bjo.